Publicado em 30 de Setembro de 2011

4 startups de base tecnológica criadas com o apoio do Act da COTEC

A iniciativa Act (Acelerador de Comercialização de Tecnologias) da COTEC está a apoiar cinco novos projectos de base tecnológica: quatro são startups que estão a desenvolver a prova de conceito tecnológico e o quinto está na fase de desenvolvimento do plano de negócios.

BioMode - Biomolecular Determination, Thelial Technologies, Omniflow e Enerpharma são os nomes das quatro empresas já criadas, que receberão, no total, um investimento de mais de um milhão de euros do fundo de capital de risco InovCapital-ACTec. Este fundo investe na fase ‘Act to Prove’ da iniciativa Act, durante a qual as empresas devem realizar a validação das tecnologias que pretendem comercializar.

A BioMode SA resultou de investigação efectuada na Universidade do Minho, IPATIMUP e Universidade de Southampton, e visa a comercialização de kits de diagnóstico rápido para as áreas de saúde e segurança alimentar. O primeiro produto a ser comercializado será um kit para a detecção de helicobacter pylori, responsável pelas úlceras de estômago.

A Thelial Technologies SA utiliza uma tecnologia proprietária baseada no embrião da mosca da fruta (drosophila) para seleccionar grupos de novos fármacos com potencial aplicação no tratamento de determinados tipos de cancro. A investigação que deu origem a esta startup foi desenvolvida no Instituto Gulbenkian de Ciência.

A OmniFlow SA é uma startup que vai entrar no mercado das energias renováveis através da comercialização de geradores eólicos de eixo vertical, cujo conceito inovador se acredita que melhorará a eficiência da utilização do vento para a produção de energia em condições de vento turbulento.

A Enerpharma SA tem por objectivo a comercialização de excipientes funcionais com aplicações nas indústrias farmacêuticas e de cosmética, permindo obter ganhos significativos de eficiência de produção nestas áreas. O projecto está a ser desenvolvido em colaboração com o ITBQ e a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa.

Para além destas quatro empresas o Act da COTEC está a apoiar no desenvolvimento do plano de negócios o projecto MediaOmics, que tem por objectivo a produção de meios de cultura para a indústria biofarmacêutica. Este projecto baseia-se em investigação desenvolvida na Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa.

O Acelerador de Comercialização de Tecnologias (Act) é uma iniciativa da COTEC que visa apoiar a criação de empresas de base tecnológica e o licenciamento de tecnologias. O Act acompanha os projectos do laboratório até ao mercado, ajudando os promotores no processo de comercialização e dando-lhes acesso ao capital necessário para o desenvolvimento do projecto.

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo