Publicado a 01 de Setembro de 2014

Comunidade Global Shapers reúne em Lisboa pela primeira vez sob o tema “Empreendedorismo e Inovação”

De 4 a 6 de Setembro, Lisboa será o palco para a reunião anual da comunidade Global Shapers de toda a Europa, que segundo a organização poderá posicionar Portugal como um centro de inovação.

Os organizadores do Shape Europe do Fórum Económico Mundial (FEM) esperam que o evento, que terá lugar na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, sirva para posicionar Portugal como um centro de inovação.

Lisboa foi escolhida entre 60 cidades europeias para acolher, entre os dias 4 e 6 de Setembro, a comunidade europeia de ‘Global Shapers’, composta por jovens abaixo dos 30 anos com reconhecido mérito profissional, que se destacam nas mais diversas áreas de actividade e que desejam ter impacto social nas suas comunidades.

«A inovação está a acontecer no país inteiro e é muito significativa, mas às vezes não é levada ainda muito a sério. É uma transformação cultural que está a acontecer em Portugal, baseada numa geração mais nova e muitíssimo qualificada, que está a colocar Portugal no mapa e na rota da inovação internacional, a par de outras capitais europeias», afirmou Stephan Morais, um dos dois “young Global leaders” portugueses.

Stephan Morais, que a convite do FEM (Fundo Económico Mundial) fundou como curador o Global Shapers Lisbon Hub, tem a expectativa de que o evento posicione Portugal, e em particular Lisboa, «como um centro de inovação», reconhecimento que, segundo o jovem, é cada vez mais visível através de outras iniciativas que têm vindo a decorrer no país e dos prémios que Lisboa tem ganhado.

Empreendedorismo e Inovação é o tema da edição deste ano do evento anual, que conta com o Alto Patrocínio do Presidente da República, Cavaco Silva. O Ministro da Economia, Pires de Lima, e cerca de cem convidados internacionais, alguns deles referência na área tecnológica, vão ser oradores.

Stephan Morais explicou que os “shapers” podem ser empreendedores, gestores, advogados ou artistas, mas também «pessoas muito influentes» nos respectivos países.

«Esperamos que essas pessoas fiquem com uma imagem altamente positiva de Portugal, com mais interesse no país e que tragam mais investimento futuro. Esse é o impacto que esperamos: que Portugal e Lisboa fiquem bem vistos», salientou.
Este é o primeiro evento oficial do FEM alguma vez realizado em Portugal.

O Fórum Económico Mundial anunciou em Setembro de 2011 a criação da Global Shapers Community, a qual tem como missão proporcionar aos jovens uma plataforma global para moldar positivamente o futuro – integrando as dimensões, pessoal, comunitária e global.

Existem Global Shaper Hubs em mais de 300 cidades em todo o mundo, com mais de 3 500 “global shapers”.
O Global Shapers Lisbon Hub integra actualmente empresários, empreendedores sociais, cientistas, professores universitários e artistas. Cristina Fonseca, co-fundadora da Talkdesk, é a actual curadora dos Lisbon Shapers.

Mais informações aqui.

Fonte: Agência Lusa

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo