Publicado a 31 de Janeiro de 2013

Empresa criada com o apoio do COHiTEC inaugura unidade industrial

A CONVERDE, empresa de biotecnologia criada com o apoio do Programa COHiTEC da COTEC, inaugurou no passado dia 18 de Janeiro a sua unidade industrial, onde irá produzir um fungicida biológico de elevada eficácia, destinado a ser comercializado em todo o mundo.

© CONVERDE

 

Com um investimento total de cerca de 30 milhões de euros, a unidade industrial da CONVERDE localiza-se em Cantanhede e prevê criar 100 postos de trabalho até 2016, ano em que funcionará em velocidade de cruzeiro.

Nesse ano, a CONVERDE prevê vendas de 36 milhões de euros, só nos Estados Unidos e Canadá, países para os quais celebrou um contrato de distribuição exclusiva com a multinacional do sector agro-químico FMC Corporation.
Na fábrica agora inaugurada será produzido um fungicida biológico de eficácia igual ou, nalguns casos, superior à dos melhores fungicidas sintéticos disponíveis no mercado.

Na origem deste produto esteve investigação pioneira realizada no Instituto Superior de Agronomia da Universidade Técnica de Lisboa, onde foi identificada a proteína multifuncional «BLAD», produzida durante a germinação de uma variedade de tremoço denominada ‘lupinus albus’ e que funciona como substância activa do fungicida.

A descoberta, que teve início em 1991 e à qual se seguiram mais de dez anos de investigação, culminou com a participação do projecto no Programa COHiTEC da COTEC Portugal. Foi no âmbito desta iniciativa que foi estudada a viabilidade comercial do projecto, tendo sido desenvolvido um plano de negócios e seleccionado um grupo de quatro investidores (Grupo Cofina, Promotor SGPS, Change Partners e Fundo F-HiTEC), que tornaram possível a execução do plano de negócios, iniciando-se com a criação da empresa.

A unidade industrial marca uma nova fase para a empresa CONVERDE, com o arranque da produção do fungicida. Com uma área coberta de 17 mil m2, a unidade está projectada de forma a triplicar a capacidade de produção, que é actualmente de 2 mil toneladas por ano.

Aquando da inauguração da unidade, que contou com a presença do Secretário de Estado da Economia e Desenvolvimento Regional, António Almeida Henriques, o Presidente do Conselho de Administração da CONVERDE, José Romão de Sousa, enfatizou que gostaria de «fazer deste projecto um sucesso, e um “case-study”, que começa com investigação fundamental na universidade e evolui para um produto/negócio completamente inovador, de verdadeira descontinuidade tecnológica.»

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo