Publicado a 18 de Outubro de 2013

Frulact vence Nutrition Awards 2013 na categoria I&D

No passado dia 16 de Outubro, Dia Mundial da Alimentação, a Frulact, grupo empresarial líder ibérico em preparados à base de fruta para a indústria alimentar, venceu a categoria Investigação & Desenvolvimento da quarta edição dos Nutrition Awards 2013 que distingue projectos inovadores na área agro-alimentar, com o projecto ‘FruShape - Fruta em formas’.

O ‘FruShape - Fruta em formas’ é um projecto de desenvolvimento de uma matriz amiloproteica formatável contendo fruta, vegetais, chocolate ou cacau, que a Frulact – Associado da COTEC Portugal – iniciou em Setembro de 2010, com o objectivo de obter um produto com elevado valor nutricional apresentado de forma lúdica e divertida – em forma de coração, estrela ou muitas outras –, para os segmentos populacionais mais jovens, e de fácil acessibilidade e consumo para os segmentos mais seniores. A próxima fase do projecto FruShape será a industrialização e comercialização a partir de 2014.

À base utilizada, a matriz amiloproteica, que pode ser feita de sêmola de trigo duro, glúten, farinha de arroz ou farinha de milho, junta-se depois uma fonte de fruta (também podem ser usados vegetais ou cacau), que pode representar até 98% do produto final. Corações de kiwi, estrelas de morango, ou letras de pêssego, fruta moldada em diferentes formas, que pode ser consumida em separado ou colocada em iogurtes ou toppings de gelados, é o produto final desenvolvido pela Frulact.

Na cerimónia de entrega dos prémios Nutrition Awards 2013, para além da Frulact foram ainda distinguidos outros quatro vencedores – para as cinco categorias a concurso – e 11 menções honrosas, projectos que se distinguiram no que respeita à inovação e ao empreendedorismo no sector agroalimentar e ciências da nutrição em Portugal.

De entre as mais de 100 candidaturas recebidas no total das cinco categorias, os vencedores das outras quatro categorias foram:

  • Produto Inovação - Empresa Frueat - projecto que nasceu da necessidade de escoamento da produção de maçãs com “calibre médio” (habitualmente recusado pela grande produção), e que, passados dois anos e meio, através de uma parceria com investigadores da Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica, lançou no mercado a maçã desidratada (em que 90% da humidade da maçã é retirada).
  • Serviço Inovação - MyFarm.com - projecto que permite sensibilizar a população para o cultivo e manutenção da sua própria horta, disponibilizando aos clientes 49 m2 num terreno da MyFarm, em que o cliente pode acompanhar, através de uma câmara colocada no local, o desenvolvimento do que pediu para ser plantado. Depois de prontos, os produtos podem ser colhidos pela MyFarm (que os entregará ao cliente) ou pelo próprio agricultor à distância.
  • Iniciativa de Mobilização - Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto, a Edenred e a Direção Geral da Saúde, com o projecto 'Alimentação Inteligente - Coma Melhor, Poupe Mais', um manual para ajudar os consumidores a terem uma alimentação mais saudável e, ao mesmo tempo, a gastar menos.
  • Prémio Especial Comunicação PÚBLICO - Luís Silvestre, revista Sábado - com o trabalho ‘Porque comemos assim?’.

Na cerimónia de entrega de prémios, que decorreu na Fundação Calouste Gulbenkian, estiveram presentes o Secretário de Estado da Alimentação e Investigação Agroalimentar, Nuno Vieira e Brito, o Secretário de Estado do Ensino e da Administração Escolar, João Casanova de Almeida, e o Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Leal da Costa.

Criado com o objectivo de mobilizar a sociedade para a inovação no sector agroalimentar, o Nutrition Awards® tem afirmado ao longo das suas edições o valor desta área no panorama nacional, revelando e premiando bons exemplos de dinâmica, assente na inovação e empreendedorismo do sector agroalimentar nacional que apresenta um grau de autossuficiência em produtos da indústria alimentar de 79%, com as conservas e o vinho a liderarem, e tem vindo a reforçar e a mostrar o que de melhor se faz no País – no último ano as exportações cresceram 6,2%, com sete mercados extracomunitários entre os seus principais clientes. Um posicionamento que agrega investigação, melhores produtos e que conduz às melhores formas de abordar a temática de uma alimentação saudável.

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo