Publicado a 28 de Março de 2013

Innovation Union Scoreboard 2013 – Portugal continua no grupo dos «inovadores moderados» mas desce uma posição no ranking global

Foi publicado no passado dia 26 de Março o relatório ‘IUS - Innovation Union Scoreboard 2013’, que apresenta o desempenho dos países europeus no ano de 2012 no domínio da inovação.

O relatório conclui que, apesar da persistência da crise económica, o desempenho da UE em matéria de inovação evoluiu, mas as disparidades entre os Estados-Membros estão a agravar-se, sendo necessário que alguns países intensifiquem esforços para recuperarem o atraso e se tornarem mais competitivos. Tal facto advém da evidência de que os países com tradição de inovação continuam a melhorar o seu desempenho e, nos outros, a capacidade de inovação aumentou a um ritmo mais lento ou tem mesmo vindo a diminuir, resultado do desinvestimento em inovação.

Outras conclusões: Motores da inovação
O IUS conclui também que o aumento da inovação está sobretudo relacionado com o dinamismo das PME e a capacidade para transformar as ideias em produtos e serviços comerciais. Os países mais bem classificados têm ainda outro elemento em comum: a importância atribuída ao apoio à I&D. As empresas e as universidades desempenham um papel essencial no apoio aos esforços nacionais de inovação.

Comparados com outros países da UE, os sectores de actividade de todos os países líderes em inovação registam níveis mais elevados de investimento em I&D e um maior número de pedidos de patentes. Esses países têm também um ensino superior de elevada qualidade e ligações fortes entre a indústria e a ciência.

Outras conclusões: Países europeus vs. Panorama internacional
Uma comparação com outros países europeus confirma a posição de líder em inovação da Suíça, que ultrapassa sistematicamente todos os países da UE. Os resultados deste ano apontam igualmente para o facto de, mais uma vez, a Coreia do Sul, os Estados Unidos e o Japão ocuparem uma posição de liderança face à UE.

Apesar de a Coreia do Sul estar cada vez mais distante da UE, esta, desde 2008, conseguiu reduzir em quase metade o seu atraso em relação aos EUA e ao Japão. A UE está ainda muito aquém dos líderes mundiais, nomeadamente em termos de despesas das empresas em I&D, de copublicações público-privadas e de patentes, bem como no que se refere ao ensino superior. Em contrapartida, a UE continua a apresentar melhor desempenho do que a Austrália, o Canadá, o Brasil, a Rússia, a Índia, a China e a África do Sul.

A distância que a separa da China tem vindo a diminuir, continuando estável no que respeita aos outros países BRICS e a aumentar em relação à Austrália e ao Canadá.

Portugal e outros países
À semelhança de anos anteriores, a Suécia continua a ocupar o primeiro lugar dos «líderes de inovação», seguida da Alemanha, da Dinamarca e da Finlândia. A Estónia, a Lituânia e a Letónia melhoraram os seus níveis de inovação.
Em termos de desempenho global de inovação no ano de 2012, Portugal caiu uma posição no ranking e passa da 16.ª posição para a 17.ª entre os 27 Estados-Membros, mantendo a sua posição no grupo dos «inovadores moderados».

Desempenho global de inovação dos países da UE27 no ano de 2012
Líderes: Suécia, Alemanha, Dinamarca e Finlândia registam resultados muito acima da média da UE.
Seguidores: Países Baixos, Luxemburgo, Bélgica, Reino Unido, Áustria, Irlanda, França, Eslovénia, Chipre e Estónia apresentam desempenhos acima da média da UE.
Inovadores moderados: Itália, Espanha, Portugal, República Checa, Grécia, Eslováquia, Hungria, Malta e Lituânia têm desempenhos abaixo da média da UE.
Em recuperação: o desempenho da Polónia, da Letónia, da Roménia e da Bulgária é muito inferior ao da média da UE.

Estratégia «Uma União da Inovação»
O aumento da inovação e a eliminação dos obstáculos que impedem as boas ideias de chegarem ao mercado estão no centro da estratégia «Uma União da Inovação», que tem como objectivo tornar a UE mais competitiva e estimular o crescimento e o emprego.

Um relatório intercalar sobre a estratégia conclui que esta está a avançar a bom ritmo, com 80% das propostas já em fase de execução. A abordagem adoptada inclui a promoção das parcerias público-privadas, a simplificação do acesso ao financiamento e a trabalhadores qualificados, a diminuição da burocracia e a redução dos custos do registo de novas patentes.

A estratégia pretende colmatar a distância que separa a UE da Coreia do Sul, dos Estados Unidos e do Japão, líderes mundiais em inovação. O avanço da Coreia do Sul está a aumentar, mas, desde 2008, a UE tem vindo a recuperar em relação aos EUA e ao Japão.

Sobre o IUS
O IUS é um relatório anual que apresenta uma avaliação comparativa do desempenho da investigação e inovação dos Estados-Membros da UE27 e os pontos fortes e fracos dos seus sistemas de investigação e inovação. Usando um total de 24 indicadores, divididos entre 8 dimensões de inovação e 3 categorias principais («viabilizadores», «actividades empresariais» e «resultados»), o relatório fornece informação que ajuda os Estados-Membros a avaliar as áreas em que precisam de concentrar esforços no sentido de aumentar o seu desempenho de inovação.

Para além dos países da UE27 o IUS inclui ainda informação sobre os seguintes países: Croácia, Islândia, Antiga República Jugoslava da Macedónia, Noruega, Sérvia, Suíça e Turquia. Num número mais limitado de indicadores, disponíveis internacionalmente, o IUS abrange também África do Sul, Austrália, Brasil, Canadá, China, Coreia do Sul, EUA, Índia, Japão e Rússia.

A cada dois anos, o IUS é acompanhado por um Painel de Inovação Regional. Este ano, a Comissão publicou igualmente pela primeira vez um Scoreboard acerca da inovação no sector público.

Faça download do IUS 2013

Aceda ao resumo da informação incluída no IUS 2013 aqui

Consulte o discurso de Máire GEOGHEGAN-QUINN, Comissária Europeia para a Investigação, Inovação e Ciência no dia do lançamento do IUS 2013 aqui

Consulte ainda duas publicações complementares ao IUS 2013
Regional Innovation Scoreboard 2012
European Public Sector Innovation Scoreboard 2012

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo