Publicado a 26 de Fevereiro de 2014

Inovação premiada na 6.ª edição do SpinUM - Concurso de Ideias de Negócio

A ideia vencedora da 6.ª edição do ‘SpinUM - Concurso de Ideias de Negócio’, iniciativa promovida pela TecMinho e Spinpark, foi o ‘medQuizz®’, uma plataforma destinada a profissionais da área da saúde.

O Empreendedorismo inovador gerado na Universidade do Minho foi premiado pela 6.ª vez através do Prémio SpinUM, que atribui galardões às ideias de negócio identificadas pelo júri como as mais inovadoras e com maior potencial de negócio. A sessão final do concurso e de divulgação dos vencedores teve lugar no dia 21 de Fevereiro no Avepark, e contou a presença de Pedro Vilarinho, responsável pela área de Valorização do Conhecimento da COTEC Portugal, membro do Júri do Concurso.

As sete ideias finalistas da edição de 2014 do SpinUM são das áreas da Saúde, Segurança, Nanotecnologia, Eletrónica e das TIC, cujos promotores apresentaram os seus planos de negócios ao Júri durante a sessão final. À apresentação da ideia feita em 10 minutos pelos promotores, em modelo de Elevator Pitch, seguiram-se as perguntas e comentários do Júri. Das sete ideias apresentadas, foram seleccionadas as três vencedoras, a quem foram atribuídos o 1.º e o 2.º prémio e o prémio ‘Jovens Empreendedores’.

A ideia vencedora do ‘1.º Prémio SpinUM’ foi a do projecto ‘medQuizz®’ dos promotores José Pêgo, Nuno Santos, Nuno Sousa e Paulo Cabral. O medQuizz® é uma plataforma destinada a profissionais da saúde que permite a criação e gestão de um banco de perguntas da área da medicina e a concepção/execução de testes de avaliação online.

O ‘2.º Prémio SpinUM’ foi a atribuído à ideia de negócio ‘Dispensador Automático de Medicação’ dos promotores André Coelho, Elsa Ferreira, João Araújo, Rui Araújo e Vera Morais, que consiste num dispensador automático de medicação que auxilia no controlo da toma da medicação em indivíduos que necessitam do consumo regular de medicamentos.

O prémio ‘Jovens Empreendedores’ foi concedido à ideia de negócio ‘MIST - Microprocessor Integrated System Technology’ dos promotores César Ferreira, Nelson Pereira, Rui Machado, Tiago Vasconcelos e Vítor Faria. A ideia procura desenvolver e comercializar microprocessadores para a indústria aeroespacial, aeronáutica e automóvel.

Para além de Pedro Vilarinho da COTEC Portugal, o Júri do concurso foi composto por representantes do Banco Espírito Santo (Carlos Ferreira), da Portugal Ventures (Ana Lobo Xavier), e da Universidade do Minho (Paulo Afonso).

O SpinUM distribuiu prémios monetários e ofereceu serviços de apoio à criação de empresas num valor total superior a 20 mil euros.

Além das três ideias vencedoras, os projectos apurados para a final foram MapsCrime (da promotora Laura Jota), Reconfigurable QMS (dos promotores André Ferreira, Bruno Araújo, Nelson Brandão e Ramon Rodrigues), t-words (dos promotores Cristina Sylla, Clara Coutinho, Pedro Branco e Sérgio Gonçalves), e Weighing Review (do promotor Nuno Matos).

Organizado pela TecMinho, em conjunto com o Spinpark, e dirigido à comunidade de investigadores, alunos e antigos alunos da Universidade do Minho, o Concurso ‘SpinUM’ pretende premiar e apoiar as ideias de negócio mais inovadoras e com maior potencial em qualquer domínio científico ou tecnológico, geradas na Universidade do Minho.

Saiba mais sobre o SpinUM aqui.

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo