Publicado a 10 de novembro de 2016

Mudanças Inevitáveis

A mudança é inevitável. Com podemos acelerar a transição para a economia circular?

Os três princípios em que assenta o novo modelo de desenvolvimento são uma base estruturada e integrada por onde podemos começar.
 
 
1. Preservar e aumentar o capital natural.
Para preservar e aumentar os materiais que extraímos da natureza podemos “desmaterializar os produtos e serviços”, entregando-os, sempre que seja possível, de
forma virtual. Quando há necessidade de recursos, o sistema circular seleciona-os com sensatez e escolhe tecnologias e processos que utilizam recursos renováveis.
Uma economia circular também aumenta o capital natural estimulando fluxos de nutrientes no sistema e criando as condições necessárias para a regeneração – do
solo, por exemplo.
 
 
2. Otimizar a produção de recursos.
Aumentar a utilidade e o ciclo de vida dos produtos, componentes e materiais é o objetivo. Para que isso aconteça os produtos têm de ser, à partida, projetados para serem refabricados, reparados e reciclados. Isto para que os componentes e materiais continuem a circular e a contribuir para a economia. Os sistemas circulares usam circuitos internos curtos à medida que preservam energia e outros tipos de valor, como a mão-de- obra envolvida na produção. A ideia é prolongar a vida útil dos produtos, componentes e materiais, otimizando a sua
reutilização.
 
A partilha, por sua vez, faz aumentar a utilização do produto. Os sistemas circulares também estendem ao máximo o uso de materiais biológicos já usados, extraindo valiosas matérias-primas bioquímicas e destinando-as, em cascata, a novas aplicações.
 
 
3. Reduzir as externalidades negativas dos projetos.
Este princípio pressupõe que a economia circular venha reduzir os efeitos negativos sobre produtos e serviços de que os seres humanos precisam, como alimentos, mobilidade, habitação, educação, saúde e entretenimento. Inclui ainda a gestão de externalidades, como o uso da terra, ar, água, poluição sonora, liberação de substâncias tóxicas e mudanças climáticas.
 
 
Conheça A História do Sofá Sobrevivente, um filme de 30 minutos sobre o que acontece quando se coloca numa lixeira um grupo de designers habituados a criar produtos bonitos para as pessoas comprarem:
 
Filme de 30 minutos.
 
Trailer.

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo