Publicado a 31 de março de 2016

NOS lança segunda edição do Prémio Inovação NOS

A NOS, em parceria com o Dinheiro Vivo e a TSF, vai distinguir mais uma vez, novos modelos de negócio e projetos de inovação em empresas e instituições nacionais. As candidaturas à 2.ª edição do Prémio Inovação NOS já estão abertas e prolongam-se até 31 de julho.

© NOS

 

«Mais do que um prémio, é uma aposta nos melhores projetos em Portugal, uma aposta no futuro rejuvenescimento do tecido empresarial português», afirmou João Ricardo Moreira, Administrador da NOS Comunicações, na conferência de abertura do prémio, que decorreu no dia 17 de março, no Porto.

A inovação é a «resposta ao grande desafio de crescimento e de diferenciação de todas as empresas», independentemente do seu tamanho ou área de atuação, defendeu, na mesma ocasião, Miguel Almeida, Presidente Executivo da NOS. «Na NOS vivemos a inovação no dia-a-dia. A inovação está no nosso ADN e é essencial para nos diferenciarmos do mercado», sublinhou o gestor, apresentando aquilo que considera uma «nova etapa na promoção da inovação em Portugal».

Daniel Proença de Carvalho, Presidente do Conselho de Administração do Global Media Group, proprietário do DN, JN, Dinheiro Vivo e TSF, sublinhou a importância de premiar a inovação e disse acreditar que o grande desafio da inovação para os media é a adaptação à nova realidade digital.

Após esta segunda edição do Prémio Inovação NOS, os organizadores preparam-se para realizar um roadshow que deverá percorrer o país de norte a sul, dando a conhecer projetos nos quais a inovação é o tema central. «Debater a saúde em Lisboa, voltar ao Porto para discutir o turismo, em Leiria debater a indústria 4.0 e, em Braga, a transformação digital», detalhou João Ricardo Moreira.

Entre as razões para as startups, pequenas, médias e grandes empresas concorrerem ao prémio de inovação estão as vantagens na «notoriedade dos projetos apresentados, capacidade de contactos com empresas e rede e, finalmente, um reconhecimento público do mérito dos projetos submetidos», adiantou o Administrador.

No ano passado, a primeira edição do Prémio Inovação NOS recebeu 130 candidaturas que concorreram pelos 29 lugares finalistas disponíveis. De entre esses, três empresas – uma grande empresa, uma PME e uma startup – saíram vencedoras.

As empresas que queiram candidatar-se à 2.ª edição do Prémio Inovação NOS/Dinheiro Vivo/TSF têm até 31 de julho para apresentarem as suas candidaturas. Segue-se a avaliação e seleção dos finalistas, anunciados em outubro, com a COTEC Portugal, representada pelo seu Presidente da Direção, Francisco de Lacerda, como elemento do Júri. No mês seguinte, em novembro, terá lugar a seleção dos vencedores e a entrega dos prémios.

Saiba mais sobre o Prémio em www.premioinovacaonos.pt

 

Fonte: Dinheiro Vivo

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo