Publicado a 28 de outubro de 2016

O Que É Afinal a Economia Circular?

A melhor forma de entender o conceito de Economia Circular é analisar os sistemas naturais vivos.

Os sistemas vivos funcionam perfeitamente pelo facto de cada um dos seus componentes se encaixar no todo. Tal como num sistema vivo, em que nada se perde e tudo se transforma, os produtos são concebidos intencionalmente para se ajustarem aos ciclos dos materiais e, como resultado, os materiais circulam de um modo que mantêm o valor acrescentado pelo máximo tempo possível. Este círculo virtuoso faz com que os produtos residuais sejam praticamente inexistentes.
 
O conceito de economia circular, que tem por base algumas escolas de pensamento como a Teoria Cradle-to-Cradle, em que todos os materiais envolvidos nos processos industriais e comerciais podem ser “nutrientes”, sublinha a necessidade de considerar o ciclo da economia como um fluxo contínuo em que nada se perde. O desperdício fará parte do passado e tudo o que produzimos será reutilizado. Neste sentido, os nutrientes e componentes, tanto dos recursos naturais como dos produtos da indústria, deverão ser conservados.
 
Veja o vídeo da Direção do Ambiente da Comissão Europeia:



Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo