Publicado em 20 de Fevereiro de 2012

Siemens ganha Prémio de inovação na área da Energia

O desenvolvimento pela Siemens da turbina a gás que detém o recorde mundial de eficiência energética - com 60,75% em produção de ciclo combinado - acaba de ser galardoado com o Prémio de Inovação da Indústria Alemã, na categoria de grandes empresas. A turbina a gás SGT5-8000H foi desenvolvida pela multinacional durante cerca de uma década e envolveu um investimento de aproximadamente 500 mil milhões de euros, no qual se inclui a operação da central protótipo em Irsching, na Bavaria.

Com esta inovação, a Siemens contribuiu para a história da engenharia uma vez que uma única turbina a gás deste tipo, a funcionar em modo de ciclo combinado, é suficiente para fornecer eletricidade amiga do ambiente a uma metrópole como Berlim. Por outro lado, a nova central elétrica de ciclo combinado gasta aproximadamente um terço de combustível menos por kilowatt-hora (kWh) comparado com a média de consumo das centrais termoelétricas com turbinas alimentadas a gás de todo o mundo.

O aumento de eficiência alcançado oferece não só um significativo potencial de redução de custos de combustível como também, graças a uma importante redução de emissões de CO2, contribui para o fornecimento de energia sustentável e, desta forma, para a proteção do clima.

Estes resultados ao nível da eficiência energética foram decisivos para que durante os dez anos investidos pela Siemens no desenvolvimento da turbina a empresa fosse distinguida com inúmeros prémios ao nível da inovação em tecnologia e conseguisse mesmo inscrever este equipamento no Guinness Book of World Records.

A distinção agora recebida resulta do investimento que a Siemens tem feito desde a sua génese na inovação dos seus produtos e equipamentos. A título de exemplo, durante o exercício de 2011, a Siemens aumentou em 10% o número das suas invenções anuais para cerca de 8.600, o que se traduz numa média de 40 invenções por dia. Esta evolução positiva levou a que pela primeira vez na sua história, a Siemens ocupe o primeiro lugar no ranking europeu de pedidos de patentes, com um total de 2.135 patentes pendentes.

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo