Publicado a 22 de Abril de 2015

Startup portuguesa BestTables comprada pela norte-americana TripAdvisor

A startup portuguesa de reserva de mesas em restaurantes BestTables foi adquirida este mês de Abril pela tecnológica norte-americana TripAdvisor, por um valor não divulgado.

© Observador

 

A BestTables é uma startup portuguesa dedicada à provisão de serviços de reserva de mesas em restaurantes em tempo real, através do site ou da aplicação móvel da empresa, gratuita e disponível tanto para iPhone como para o sistema operativo Android. Com base em critérios como a localização, a disponibilidade, o preço, o tipo de cozinha ou a existência de ofertas especiais, a BestTables permite aos utilizadores escolherem e reservarem um restaurante.

A empresa foi fundada em 2011, sendo os seu promotores Ricardo Sécio e Sérgio Sequeira, e os investidores a Schilling Capital Partners e um investidor particular. A BestTables destacou-se pelo grande crescimento em Portugal, onde possui uma rede de cerca de 800 restaurantes, tendo entrado em 2013 no Brasil, onde já possui parcerias com cerca de 400 restaurantes, tendo tido especial sucesso no segmento alto na cidade de São Paulo.

O investimento da empresa de conteúdos de turismo TripAdvisor surge na sequência da procura de um novo investidor pela BestTables. «Achámos que era uma boa altura para sairmos do mercado, que se estava a consolidar» explicou Hugo Pereira, partner da Shilling Capital Partners. «Começa a haver uma luta de gigantes e nós não tínhamos recursos para fazer-lhes frente», acrescentou.

Na opinião de Hugo Pereira, Portugal está a tornar-se um país mais apelativo para os investidores e com grande potencial para a criação de startups europeias, graças à qualificação dos seus trabalhadores, ao custo competitivo e ao nível de inglês, entre outras razões. «Há dois anos era muito difícil convencer investidores de topo do Reino Unido, por exemplo, a virem cá. E hoje já vimos pessoas dos melhores fundos a virem cá perceber o que estamos a fazer», explicou.

Já para Ricardo Sécio, fundador da BestTables, a venda com sucesso da empresa é «um enorme orgulho», sendo que «o facto de um grupo como o TripAdvisor poder comprar as empresas que lhe apetecer e ter optado pela BestTables reflete o trabalho que fomos desenvolvendo ao longo dos anos».

Para a TripAdvisor, que tem vindo a adquirir empresas com vista a alargar o seu mercado (desde o início do ano já adquiriu, para além da BestTables, a italiana Restopolis, a norte-americana Zetrip e a holandesa Iens), a compra da BestTables foi, nas palavras de Bertrand Jelensperger, presidente executivo do The Fork, marca da TripAdvisor, uma «adição valiosa» dada a importância dos mercados português e brasileiro.

Com a compra da BestTables pela TripAdvisor, a marca vai deixar de existir, mas o serviço irá manter-se, sendo integrado na The Fork, uma plataforma de reserva de restaurantes de origem francesa, que foi comprada em Maio de 2014 pela TripAdvisor e é líder de mercado em França, Espanha, Bélgica, Itália e Suíça. Os 20 trabalhadores da BestTables vão manter-se na nova estrutura e Ricardo Sécio ficará responsável pelo mercado brasileiro.

Fontes: Observador, Expresso e Sapo

Subscreva a nossa newsletter
Preencha corretamente os campos
Pesquisa
Escreva o que pretende procurar
Resultados da pesquisa
Sugerir a um amigo